Aluno da SLMANDIC realiza estudo de novos materiais modeláveis para enxerto em seio maxilar

Aluno da SLMANDIC realiza estudo de novos materiais modeláveis para enxerto em seio maxilar

A perda dos dentes tem, como consequência, problemas mastigatórios e estéticos. Além disso, pode causar a perda de volume ósseo, ou seja, a estrutura ao redor do dente perdido diminui de tamanho, comprometendo a colocação de implantes dentários, o que só pode ser feito com a realização de enxertos.

O aluno do curso de Doutorado em Implantodontia da São Leopoldo Mandic, Salomão Rick Ostetto, orientado pelo Prof. Dr. Carlos Eduardo Francischone, realizou um trabalho de pesquisa para avaliar dois novos tipos de materiais aloplásticos modeláveis para a realização de enxerto ósseo na região do seio maxilar.

Os materiais foram inseridos nesta região em pacientes e, após alguns meses de espera para a formação e cicatrização óssea da região, foram instalados alguns implantes dentários. Os resultados mostraram que os novos materiais foram compatíveis com a estrutura óssea e gengival desses pacientes e permitiram uma formação óssea adequada para a instalação dos implantes e, posteriormente, das próteses dentárias.

No Comments

Post A Comment

X