Faculdade São Leopoldo Mandic abre edital de Programa de Pós-Doutorado

Faculdade São Leopoldo Mandic abre edital de Programa de Pós-Doutorado

A Faculdade São Leopoldo Mandic, de Campinas, está com inscrições de projetos de pesquisa abertas para o processo de seleção do Programa de Pós-Doutorado – o PNPD/CAPES.  O Programa de Pós-Doutorado da Faculdade São Leopoldo Mandic disponibiliza 1 (uma) bolsa proveniente da cota da CAPES, no valor de R$ $ 4.100,00 (quatro mil e cem reais), que serão depositados em conta no nome do aluno bolsista. A vigência do programa é de 18 de fevereiro de 2019 a 28 de fevereiro de 2021.

Cada projeto deve ter mérito técnico-científico e apresentar viabilidade técnica e econômica compatíveis com o período de vigência da bolsa (prazo máximo de 36 meses) e aqueles que envolvam questões de ética em pesquisa (animal ou humano) ou biossegurança, caso seja aprovado, deve ter a aprovação do órgão competente da Instituição (CEUA ou CEP).

Segundo o Diretor de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão da SLMANDIC, prof. Dr. Marcelo Henrique Napimoga, “o programa enaltece o desenvolvimento do Pós-Doutorado e a importância do desenvolvimento científico que é alcançado pelas pesquisas”.

É importante ressaltar que o bolsista PNPD/CAPES não pode desenvolver atividades profissionais concomitantes à bolsa. Se isso acontecer, o bolsista não só perderá a bolsa como deverá restituir os valores recebidos acrescidos de multa e juros.

Os trabalhos devem ser inscritos e submetidos à comissão de avaliação institucional, no período de 8 de janeiro a 1 de fevereiro de 2019, pelos e-mails: adriana.carmo@slmandic.edu.br e marcelo.napimoga@slmandic.edu.br.  As regras de participação constam no edital e o resultado será divulgado em 13 de fevereiro de 2019.

O Programa Nacional de Pós-Doutorado da CAPES financia estágios pós-doutorais em Programas de Pós-Graduação (PPG) stricto sensu acadêmicos recomendados pela CAPES, para promover a realização de estudos de alto nível; reforçar os grupos de pesquisa nacionais; renovar os quadros dos Programas de Pós-Graduação nas instituições de ensino superior e de pesquisa e promover a inserção de pesquisadores brasileiros e estrangeiros em estágio pós-doutoral, estimulando sua integração com projetos de pesquisa desenvolvidos pelos programas de Pós-Graduação do país.

Sem Comentários

Deixe um comentário

X