SLMANDIC realiza evento sobre Transtornos Alimentares

SLMANDIC realiza evento sobre Transtornos Alimentares

“Transtornos alimentares: uma abordagem multiprofissional” é o nome do evento que acontecerá na Faculdade São Leopoldo Mandic, Unidade Campinas, no dia 25 de agosto, das 8h às 18h, no Auditório 1. As inscrições podem ser feitas em https://www.slmandic.edu.br/evento/transtornos-alimentares-uma-abordagem-multiprofissional/ e custam R$ 100,00, R$ 150,00 e R$ 200,00, para estudantes, profissionais da saúde e médicos, respectivamente.

O evento é organizado pelo GTALC-Mandic (Grupo de Transtornos Alimentares de Campinas da Faculdade São Leopoldo Mandic) formado pelo psiquiatra Celso Garcia Junior, professor e coordenador da área de saúde mental do curso de medicina da Mandic, pela professora Ada Letícia Murro, endocrinologista e professora de semiologia da faculdade, Luciana Garcia Vaz de Lima, psicóloga, Carolina Pascoal, nutricionista e Glaucia Soboll, terapeuta ocupacional. O curso terá ainda a participação da psicóloga e Ana Paula Gonzaga e da psiquiatra Ana Luisa Marques Traballi.

Celso Garcia e Ada Letícia explicam que os Transtornos Alimentares compreendem várias doenças graves, como Anorexia Nervosa, Bulimia Nervosa e Transtorno de Compulsão Alimentar que acarretam complicações importantes aos pacientes, tanto do ponto de vista psíquico e social quanto do ponto de vista clínico. “Uma vez diagnosticado, o tratamento do transtorno alimentar requer atendimento multidisciplinar, com profissionais experientes e treinados para atendimento dessa doença. Psiquiatras, psicólogos, clínicos, nutricionistas e terapeutas ocupacionais atuando em conjunto e com abordagens terapêuticas específicas aumentam a chance de remissão dessas doenças”, afirma o psiquiatra.

Confira os temas das palestras que compõem o evento: anorexia nervosa, bulimia nervosa e transtorno de compulsão alimentar; comorbidades psiquiátricas dos transtornos alimentares; complicações clínicas; abordagem nutricional; abordagem psicanalítica; terapia cognitivo-comportamental; mindful eating e tratamento da família.

 

 

 

 

Sem Comentários

Deixe um comentário

X